Lançamentos

Peugeot lança novo esportivo RCZ por R$ 139,9 mil

A Peugeot anunciou que estará nas lojas do Brasil ainda neste mês o novo cupê esportivo RCZ com preço estimado em R$ 139.900. O modelo é importado da Áustria e tem motor 1.6 litro turbo com 165 cavalos de potência e 24,5 mkgf de torque, câmbio automático de seis velocidades. A marca espera vender ainda este ano 200 unidades.

O motor Turbo High Pressure (THP) utilizado no esportivo foi produzido em conjunto com a BMW e segue a tendência mundial de downsizing: baixa cilindrada com alta potência e torque elevado em baixa rotação, isso para conseguir reduzir o consumo sem perder em potência.

Com relação ao design do modelo, o cupê possui dupla ondulação no teto, bancos esportivos e os bancos traseiros que podem ser rebatidos. Caso o banco não seja abaixado o porta mala será de 321 litros, diz a montadora.

Além disso, o aerofólio é móvel e o carro é equipado com rodas de 18 polegadas (há também a opção de 19 polegadas). Outros itens de série divulgados pela Peugeot são: controle de tração inteligente, freios ABS, quatro airbags (dois frontais e dois laterais), ajuda para partida em subidas, faróis de duplo xênon direcionais, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, ar-condicionado digital, para-brisas acústico e sistema de som.

via: AE

Comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • É uma pena, que carros com este, de natureza esportiva, não tenham espaço nas ruas e estradas brasileiras por causa da sua altura em relação ao solo. São bilhões de “QUEBRA-MOLAS” espalhados pelas rodovias, sem um motivo aparente, construidos de qualquer jeito, que vão de encontro a todas as normas de segurança viaria. Por outro lado, há ainda a poluição excessiva, pela obrigatoriedade da redução de marchas para transpor estes obstaculos, além dos danos causados aos automoveis, que frequentemente, mesmo sem estarem com garga maxima, arrastam o fundo do carro, comprometendo a segurança dos mesmos. É um absurdo usarem deste artificio para a redução da velocidade. Imaginem uma pessoa sendo socorrida, precisando com urgencia de cuidados medicos, tendo que transpor estes obstaculos para ser atendida. Dificilmente chegara a tempo de ser atendida. Não sei quem inventou esta e outras “PORQUEIRAS” como sinalizadores. Fato é, que , suas instalações, são de tremendo ” MAL GOSTO” e falta de “BOM SENSO”. Esta na hora de eliminarmos este obstaculos, seja por deceto-lei, por lei, ou outra coisa qualquer.