Dicas

Discos e pastilhas de freios novos e fazendo barulho

Barulho em discos e pastilhas novos: Acabei de trocar as pastilhas e os discos de freios do carro e começou uma chiadeira. O que pode estar acontecendo.

Ruídos ocasionados pelo conjunto de freio dificilmente estão relacionados com os discos. Na maioria dos carros (95%) o problema é com a qualidade das pastilhas”, diz o engenheiro Rubens Venosa, da oficina Motor Max, em São Paulo.

Barulho em discos e pastilhas novos

Barulho em discos e pastilhas novos

Os modelos de pastilhas mais barates costumam conter um pó de ferro em sua composição para dissipar calor. Durante o uso esse pó se solta e acaba ocasionando um ruído. Já existem pastilhas melhores e mais caras que vêm com uma placa anti-ruído, embora o som desagradável não interfira na eficiência da frenagem.

Outro fator que pode ocasionar os ruídos, porém muito raro de acontecer é com a pinça engripada, que faz com que o veículo ande “semi-travado”. Também pode haver aquecimento das peças, gerando o indesejável barulho metálico.

A dica ao trocar pastilhas e discos é sempre limpar e lubrificar os pinos das pinças para evitar travamentos. Mas nem sempre o diagnóstico é simples: “Devido ao tamanho da pastilha, e ao formato da pinça de freio, o produto de um fabricante pode ficar bem em um carro, mas em outro não. O que não pode haver é oscilação na peça”, afirma o engenheiro.

Quando devo trocar os discos e pastilhas de freio: “Em média, troca-se as pastilhas com 20 a 25 mil km rodados, e os discos na segunda troca de pastilhas. O prazo pode cair para 15 mil quilômetros se o carro for apenas de uso urbano”, conclui o consultor de Autoesporte.

Caso tenha mais alguma dúvida ou sugestão deixe seu comentário ou envie para nosso email. Temos alguns tutoriais de como trocar as pastilhas e discos do seu veículo passo a passo.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário



Fan Page