O que os seguros do auto não cobrem

seguro do carroA grande dúvida entre quem contrata um seguro automotivo é, entretanto, o que não cobrem. O principal detalhe é que os seguros protegem apenas a estrutura geral externa do automóvel, como a carroceria, motor, chassi e caixa. Acessórios internos, como aparelhos de som, kit gás natural veicular, rodas esportivas e blindagem não entram no plano. Para cobertura desses itens, é necessário optar por planos específicos, que naturalmente elevarão o preço total do seguro.
Além disso, os seguros cobrem apenas acidentes provocados pelo homem ou fenômenos da natureza que ocorram em condições normais. Nesse caso, acidentes de trânsito, danos causados por terremotos, granizo, queda de árvores, enchentes e vendavais e até desabamento de parte de um prédio são cobertos. Entretanto, cabe à seguradora recusar ou não o pagamento do seguro se considerar que o cliente expôs o automóvel a um risco desnecessário. E em casos de vandalismos e outros tumultos, as seguradoras não cobrem os estragos, embora possam oferecer pintura para amenizar e cobrir possíveis arranhões.

Para completar, seguros realizados no Brasil cobrem apenas sinistros que acontecem no país. Ao viajar a um outro país da América do Sul, por exemplo, é necessário contratar uma extensão do seu plano, por meio de uma seguradora do país de destino que possua convênio com a empresa brasileira.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *