Dicas

Mito ou verdade: ao passar com carro por alagamento não se deve trocar a marcha

A resposta é: EM TERMOS. Saibam que o mais importante é manter a aceleração do motor entre 1.500 e 2.000 rpm durante a travessia. No momento de fazer a troca de marcha irá tirar o pé do acelerar o que fazer a rotação do motor descer para marcha lenta, isso poderá ocasionar a entrada de água no escapamento.

No entanto, existem situação onde será inevitavel a troca de marcha, nesse caso tente manter a aceleração, ou seja, não tire o pé do acelerador.

Mas, lembre-se: nunca passe por um alagamento se a altura da água nos carros à frente superar a metade da roda. E, se o motor morrer durante a travessia, ou quando o carro estiver estacionado em meio a uma enxurrrada, jamais religue. Chame um guincho.

Câmbio automático
Se o carro tiver câmbio automático, coloque a alavanca na posição 1 e acelere até 2.000 rpm, nesta posição. Assim, o câmbio permanecerá na primeira marcha.

Quando se coloca na posição 2, o câmbio não ultrapassa a segunda marcha, porém, em função da velocidade, ele fica alternando entre a primeira e segunda, o que não ideal.

O importante é manter a aceleração.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário